Bolso de Recuerdos

Do corpo

corpo_moca

Livre como o vento que agora bate em meu rosto. Assim quero me sentir por algum tempo. Não que o amor ou apaixonar-se seja algo negativo, mas que, às vezes, ele é melhor compreendido quando estamos distantes.

Tenho amor pra dar até meu último fio de cabelo, mas por enquanto tudo isso continuará aqui dentro. É assim que quero, é assim que desejo. Sinto meus poros fechados para o desperdício, nenhuma gota de amor será jogada fora para quem não merece e, muito mesmo, para procurar quem o mereça.

Gastar energia com alguém que não merece, não quero que aconteça mais. O amor é precioso, no entanto, dizer “eu te amo” virou “bom dia”. Você diz pra qualquer um, em qualquer situação, só pra se sentir incluído num mundo de amores vãos.

O amor deve chegar e eu estarei esperando por ele. Mas, só hoje, não quero me iludir e nem pensar em momentos bons com os que já passaram por aqui, levando um pouco do meu sentimento…quero apenas paz pro meu corpo, pra minha alma.

Música do post: “Coisas que eu sei” – Danni Carlos


Publicado em Lembranças, Presente

    Blog Stats

    • 1,010 hits
    "Porque metade de mim é amor e a outra também". (Fernando Pessoa)